SmartGames

Post escrito por: Kirbymcm | 14/06/2013 | 12h00min

“Gamer é gamer em qualquer local, em qualquer hora, em qualquer momento.”

Bem, essa frase só se aplica para quem tem um portátil, e nós sabemos muito bem que o preço dessas belezinhas não são nada amigáveis. Eu mesmo tive poucos portáteis, pois tudo era muito caro, do cartucho até ao próprio aparelho em si. Eis então que surgiu os smartphone, que além de acessar seus e-mail, redes sociais, escutar músicas... Também apresentava uns “joguinhos”, para se jogar na fila do banco. Com o tempo esses “joguinhos” foram ficando cada vez mais sérios. Até se tornarem parte relevante na indústria dos games.

Eu lutei muito até me render a essa plataforma, pois não entendia muito, e algumas coisas não faziam sentido. Eu me recusava a crer que pudesse haver tamanho entretenimento num espaço tão pequeno. Sem falar que a cada dois dias surgia 20 smartphones da Samsung, com suas diversas especificações, me ajudando na confusão. Ah, e tinha também as sobremesas que eu poderia encontrar neles (Gingerbread, Ice Cream Sandwich, Jelly Bean, hehehehehe), que afetariam minha jogabilidade se eu quisesse jogar.

Pois bem, aproveitei que meu antigo celular estragou e me atirei nesse mundo. Fugi dos robozinhos, e mordi a maça (e ela me revidou com uma facada). Depois do encanto natural, de ter tudo nas mãos (Face, email, YouTube, agenda, câmera, minha musicas, etc). Me lembrei que também podia jogar e entrei por um caminho sem volta. Baixar, baixar e baixar, jogos da AppStore.

Ainda não tenho palavras para explicar a qualidade gráfica e a jogabilidade da maioria deles, sem falar na simplicidade. Mas tentarei.

Todos os jogos que vou falar estão de graça na AppStore, ou estavam na época em que baixei. Eles foram baixados de uma conta estadunidense.

O primeiro que vou citar é o Real Racing 3 da EA Games, que nada mais é do que um simulador de corrida, onde o objetivo é correr, correr e correr nos autódromos. O jogo apresenta alguns ângulos de câmera bem interessantes, como a visão de dentro do carro. A jogabilidade é bem fácil, e utiliza muito bem o acelerômetro, numa sensibilidade bem realista. O gráfico é muito bonito no Android, e excelente no iOS(pois há efeitos de luz realísticos).




O próximo será o Cut The Rope, que também pode ser jogado de graça na Web. O jogo é simples. Basta dar os doces para o monstrinho, e conforme tu vai passando de nível, essa tarefa vai ficando mais desafiadora. Confesso que este game é extremamente viciante. A jogabilidade é simples, basta passar os dedos na tela, giroscópio e acelerômetro não são usados nesse jogo, mas nem por isso ele perde no quesito diversão.



Extensões a parte, aqui mostrei apenas 2 exemplos de jogos, que fazem muito sucesso, no mundo dos smartphones, alguns por sua simplicidade e diversão, outro pelo seu lado hardcore. Em breve falaremos mais sobre isso.



2 comentários :

  1. Muito bom post,tenho o Cut The Rope Experiments,ele é muito legal,tô quase zerando.
    O Real Racing 3 infelizmente não roda no meu Xperia X8,apesar de na Google Play falar que ele é compatível,mas ainda bem que tenho o Real Racing 2 guardadinho no meu celular,ele é excelente!
    Na espera que a EA faça uma versão Armv6 de Real Racing 3 (não sei se vão entender XD).
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Valeu pelo comentário G.F. Os créditos dessa postagem são para o Kirbymcm. Quanto ao processador acho difícil a EA fazer uma versão para uma plataforma mais desatualizada, mas vamos torcer. Abraço

    ResponderExcluir